…Com um sorriso…

Porque sinto a tua falta

A dor não deixa de doer

O meu olhar entristece por não te ver

E o coração empobrece por não te ter.


Porque é difícil aceitar a perda

A alma sufoca revoltada

O corpo entrega-se a uma fraqueza descontrolada

Vive-se em silêncio numa vida pesada.


Habitarás sempre dentro de mim

A tua memória irá permanecer

O teu sorriso faz o meu não desaparecer

Hoje e sempre és o irmão que não irei esquecer.


…Com um sorriso…

12 thoughts on “…Com um sorriso…

    • Muito obrigada Fernando. Embora, sempre haja um sorriso o coração sente um aperto pela perda todos os dias.
      É um gosto sentir a sua presença, e desejo e espero que a sua saúde esteja a evoluir de uma forma positiva. Um grande abraço.

      Gostar

      • Sei que existe um oceano imenso entre nós, mas penso que as margens se encontram e é nesse encontro que te abraço e desejo que saibas que caminho junto sempre que for preciso. (Estou bem, recuperação acima do esperado embora em janeiro recomeçam os exames de controle. Vou superar e atravessar esse mar….)

        Liked by 1 person

  1. Tua poesia, Fernanda, sempre foi, para mim, nos momentos em que me sentia em profunda solidão e inseguro quanto ao que viria pela frente companhia inseparável, tanto que tantas vezes imaginava ser para mim algumas delas. Muito me fortaleceu a mente, o imaginário e o coração. Tenho isso dentro de mim para todo o sempre. Juntos!

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.