Parte Incerta…

laura-kapfer-hmCMUZKLxa4-unsplash (1)

São palavras que escondem palavras
Em livros comidos pela traça
Poemas que mudaram de lugar
Versos esquecidos que tiveram que se ausentar
Todos partiram para parte incerta
Levando apenas a solidão
Nada tendo para os acompanhar.
Já não há eco de leitura
Nem paisagens de bravura
Os contos perderam-se das histórias
O tempo suspendeu as memórias
Ninguém bate à porta de ninguém
O medo abraçou esta textura
O olhar fugiu e deixou-se cegar
Enterrou-se nesta loucura.