Ao luar

sunrise-1578801_960_720

Os pássaros já recolheram
As flores já adormeceram
As luzes já se apagaram
Apenas eu e a lua
Ainda acordadas,
Encurtamos a distância
Falamos dos sonhos ainda não sonhados
Da paixão que une os namorados.

Escutamos o mexerico das estrelas
No céu escuro e cintilante
Repouso o pensamento
Apenas por um momento
Estaremos todos a sonhar?

Transporto a ilusão de toda a matéria cósmica
Albergo os segredos que partilhamos
Na igualdade de amar
A paixão que faz a lua brilhar
O amor que me permite voar
Assim continuamos,
Sorridentes até o nascer do sol chegar.

2 thoughts on “Ao luar

  1. todos os poetas sabem amar, mas não praticam este ato.
    nos perdemos noites de sono procurando a forma mais real e sincera de conquista um ser do qual nunca poderemos amar.

    adorei!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.